Quinta-feira, 8 de Fevereiro de 2007

JORNAL DO JARDIM



Suborno...eu?!? (artigo de opinião do próprio)

Diz-se num dos jornais dos Cubanos, o “Púdico”, que eu Adalberto, apoiei o Jornal do Jardim no valor de quase cinco milhões de euros em 2005. Eu confirmo! É tudo verdade! Não tiro nem uma vírgula, nem um filete de peixe de espada preto com banana para o almoço! A rapaziada do Jornal precisava de fazer umas obras em casa, comprar um calhambeque (leia-se Mercedes) novo e ir de férias para o Mediterrâneo! Por isso, filo e estou muito orgulhoso de tal feito! (Deste feito e de ter dançado quase nu no Carnaval).


O montante representa quase 75% do total de apoios concedidos naquele ano pela administração pública regional a órgãos de comunicação social, visto que os “apoio” todos. No entanto, pelo Jornal do Jardim tenho um carinho especial, daí o meu empenho e dedicação. Até tenho lá uma coluna, onde dito a uma jornalista os disparates que eu quero que ela escreva!


Portugal é um país de fantoches, eu cá na Madeira montei o circo e o palhaço de serviço, sou eu mesmo! Lanço o fogo e apanho as canas! Neste teatro de fantochada não há pluralismo na comunicação social. O Jornal do Jardim é um marco nessa luta, desenvolvendo um esforço contínuo de luta contra o sistema imposto!


Os meus queridos amigos da oposição, esses grande filhos da ****, consideraram escandaloso que os dinheiros públicos sirvam para fazer propaganda, pois é mentira, servem sim para eu poder opinar livremente. . Os meus comícios no Chão da Loba, são de chorar...a rir!


Os continentais esquecem-se que a nossa música tradicional é o “Bailinho da Madeira”, que fui eu que compus, porque eu dou baile aos cubanos todos. Eles pensam que é só vir para o ilhéu comer bolo do caco e espetadas no estreito. Pois estão bem enganados, ao que lhes respondo delicadamente “ESTÁ TUDO GROSSO OU QUÉ?!?


Depois...não se queixem!

Por: Al Berto Garden


Pensamento do Dia
: Segundo o Jornal “Público”, na edição de segunda-feira, o Governo Regional da Madeira concedeu, em 2005, mais de 4,6 milhões de euros ao Jornal da Madeira sob a forma de suprimentos e compra de publicidade. Será que é este o preço da coluna de opinião do Presidente do Governo Regional? Ver aqui a mesma.


Temos dito.
Ass: Almiscaro, Mercador e Tobias.
sinto-me: Corrupto
música: Antony & The Johnson's - What can i do?
pregado por Alfinete de Peito às 11:45

link da posta | Espeta um comentário | Junta-o aos melhores!
9 comentários:
De eskape a 8 de Fevereiro de 2007 às 14:34
é isso mesmo. a publicidade no JM é muito mais cara k nos outros diarios, e ainda por cima é dos diarios menos lidos por cá. hi, hi, hi
adalberto no seu melhor.
De Alfinete de Peito a 9 de Fevereiro de 2007 às 10:02
é dos diários menos lidos cá, arriscaria a dizer que não é praticamente lido. Mas na Madeira tem bastante tiragem. O Tio Adalberto domina a zona.

Forte abraço. Temos dito.
De nini a 8 de Fevereiro de 2007 às 15:01
Bem diz a letra do "Bailinho da Madeira"

"A Madeira é um Jardim, A Madeira é um Jardim,
No mundo nã há iguali, no mundo não há iguali,
Deixa passari esta linda brincadeila,
ó genti vamos bailari....O Bailinho da Madeira"

Aqui ficou o desabafo....
De Alfinete de Peito a 9 de Fevereiro de 2007 às 10:03
nini, desabafa à vontade...porque efectivamente "A Madeira não é um Jardim, mas é do Jardim"
De Mikas a 8 de Fevereiro de 2007 às 18:14
Da madeira SO conheço o DN.
De Alfinete de Peito a 9 de Fevereiro de 2007 às 10:04
Olha esse não conheço eu!

Temos dito.
De Daniela a 10 de Fevereiro de 2007 às 12:19
:)
Não trinquem a lingua. correm o risco de morrer envenenados... não é por nada.
De Alfinete de Peito a 12 de Fevereiro de 2007 às 11:19
Querida Stressada,

Se assim o fosse, já tínhamos ido à muito tempo! :)
De osmosephilosofica a 21 de Fevereiro de 2008 às 18:16
É pena realmente que grande parte dos madeirenses continue ainda a pensar dessa forma.
1º porque ao que parece, são vocês os primeiros a alcunhar a vossa ilha de ilhéu. Depois, porque dando meia volta pelo ilhéu, rapidamente chegamos à conclusão que apenas serve para umas breves feriazitas e por último, todo esse vosso mau humor para connosco, deve-se com certeza ao isolamento, o que em certa medida é compreensível , pois estão longe da civilização continental. Ah, pois lembrei-me agora da vossa máfia (claro no bom sentido), como os próprios cartazes indicam. E por fim, parece que os cubanos são vocês, uma vez que nem a simples palavra "saldos" a sabem escrever (dá uma voltinha pela principal praça e verás algumas coisas em "soldes". Portanto, aprende 1º, para falares depois.

Espeta-o

Contacta o Alfinete

Mail: blogalfinetedepeito arroba sapo ponto pt
Msg: alfinetedepeito arroba gmail ponto com

tags

todas as tags

Pesquisa no Alfinete

 

Julho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Achtung!

Todo e qualquer conteúdo deste blog é fictício, até os seus criadores.

Descubra os Alfinetes!

GRIZO
Delírios verborreicos e silêncios criativos. Adoro ver em ângulo morto e desmontar maratonas de 500 metros. Tenho dito.

MERCADOR
O meu passatempo favorito é fazer omoletas sem ovos. Adoro e ao mesmo tempo odeio pessoas. Gosto de olhar e ver e de pôr a minhoca de molho. Tenho dito.

TOBIAS
Diagnosticado, com pensamento abstracto, possuo também inteligência, humor e acima de tudo beleza (para compensar a ausência nos restantes). Tenho dito.

Amigos do Peito

Alfinetes no Palheiro