Quarta-feira, 18 de Abril de 2007

...E O CA**LHO!

Todos os dias ando no metro de Lisboa. Ontem estava sossegado no meu canto a ler até que me deparo com uma ave, infelizmente não tão raro quanto seria expectável. O que é que esta besta tinha de diferente de muitas outras? Este artista de circo acabava todas as frases com “...e o ca**lho!

 

O diálogo a que pude assistir (e o resto da carruagem, falavam ligeiramente alto, deviam ser meios surdos ou ter cera acumulada nos ouvidos) durante duas estações (felizmente) foi o seguinte:

Gajo – Ontem foi ao hi5 e o ca**lho!

Amigo do Gajo – E então...foste falar com gajas?

Gajo – Fui, estive a falar com a tipa do outro dia e o ca**lho!

Amigo do Gajo – E vais conseguir sair com ela?

Gajo – Penso em sexo com ela e o ca**lho!

Amiga do Gajo – E o Benfica ontem, quem é que marcou os golos?

Gajo – Quem é que marcou os golos? Ficou empatado és mesmo burra e o ca**lho!

Amigo do Gajo – Yah!

Amiga do Gajo – Não sabia, foi porque não vi o jogo!

Gajo – Caga nisso! Vamos sair! (não sei como é que ele não acabou esta tirada com o “...e o ca**lho!”, deve ter-se esquecido.)

 

Finalmente saíram e pude continuar a ler. Li mais umas páginas e o ca**lho! E cheguei ao meu destino.


Pensamento do Dia: Sem comentários!

Temos dito.

Ass: “Um de nós”

sinto-me: palavrão
música: Paradise Lost - The Enemy

Contacta o Alfinete

Mail: blogalfinetedepeito arroba sapo ponto pt
Msg: alfinetedepeito arroba gmail ponto com
RSS: RSS do alfinete

Google Reader or Homepage
Subscribe in NewsGator Online
Add to Technorati Favorites!
Get RSS Buttons
online

tags

todas as tags

Pesquisa no Alfinete

 

Julho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Achtung!

Todo e qualquer conteúdo deste blog é fictício, até os seus criadores.

Descubra os Alfinetes!

GRIZO
Delírios verborreicos e silêncios criativos. Adoro ver em ângulo morto e desmontar maratonas de 500 metros. Tenho dito.

MERCADOR
O meu passatempo favorito é fazer omoletas sem ovos. Adoro e ao mesmo tempo odeio pessoas. Gosto de olhar e ver e de pôr a minhoca de molho. Tenho dito.

TOBIAS
Diagnosticado, com pensamento abstracto, possuo também inteligência, humor e acima de tudo beleza (para compensar a ausência nos restantes). Tenho dito.

Amigos do Peito

Alfinetes no Palheiro